simboloLaranja.png

CÚRCUMA

Curcuma – Curcuma longa L.


A cúrcuma é uma planta conhecida por seus tubérculos e chamada de açafrão da terra,
promove cor e sabor à pratos da nova culinária funcional. Faz parte do bouquet de
temperos, suplementos e terapêuticos que indicamos para compor um Jardim Comestível.
É de fácil cultivo podendo ser incluída no paisagismo em vasos e canteiros, prefere
sombra, mas tolera áreas ensolaradas sem solicitar cuidados. Suas propriedades
nutricionais, terapêuticas e beleza cênica a tornam indispensável no cultivo urbano.


Uso Alimentação: usam-se os tubérculos crus ralados para colorir arroz, sopas, molhos,
enriquecer feijão, refogados, omeletes, recheios de sanduiches, tapiocas, empadões,
drinks, sucos funcionais. Também indicamos a cúrcuma ralada para temperar peixes e
todo tipo de carne. Uso gourmet dos tubérculos crus ralados no cozimentos dos pratos,
ou usar o pó comprado pronto. Associar um pouquinho de pimenta ajuda o organismo a
absorver suas propriedades.


Propriedades Nutricionais e terapûeticas => Poderoso anti-oxidante, anti-tumoral, anti-
inflamatório, anti-depressivo e neuroprotetor, hepatoprotetor, digestivo. É um
maravilhoso promotor de saúde... O alto teor nutricional e terapêutico é proveniente da
curcumina que fornece a cor alaranjada à raiz.


Uso Terapêutico => O Tubérculo ralado cru pode integrar chás antioxidantes e curativos,
ferver por 5 minutos para melhor absorção das propriedades nutricionais e terapêuticas e
incluir uma pitada de pimenta. Pode-se incluir o tubérculo ralado em garrafas de bebidas
(vodka, cachaça, etc.) o resultado é um drink tintura com propriedades terapêuticas.
Associado à babosa pode ser um ótimo regenerador de pele e cicatrizante.


Colheita: A cúrcuma pode ser colhida quando as folhas ficarem amareladas ou após o
termino da florada que é linda. Para colher tem que tirar a muda toda para fazer uso dos
rizomas lindos, dourados.


Cultivo: É uma Planta rustica de fácil cultivo, pode ser cultivada em vasos ou canteiros,
não é suscetível à pragas nem solicita regas, prefere áreas sombreadas, mas tolera bem o
sol. . É maravilhosa.


Adubação: Indicamos Regas mensais com o Biofertilizante ( líquido da compostagem)
diluído na proporção 1 Biofertilizante 10 de água, manter a terra do vaso ou do canteiro
coberta com material seco para proteger a vitalidade da terra.


Mudas: podem ser feitas a partir de raízes compradas em supermercados. Após um
tempo começam a brotar. Deixe a brotação enraizar em um prato com proteção (tipo
queijeira), mantenha úmido até as raízes se fortalecerem. A baba da babosa pode ajudar
acelerando e fortalecendo enraizamento. Mudas podem ser feitas ao colher a raiz, várias

mudinhas podem ser desmembradas da Raiz da planta colhida e já serem plantas,
renovando o vaso ou canteiro.